Paciente será indenizada por gaze esquecida em seu abdômen durante cesariana

Anvisa discute liberação de substância derivada da maconha
30 de maio de 2014
Operadoras de planos de saúde quadruplicam ressarcimento ao Sus
2 de junho de 2014

29/05/2014

Uma paciente que passou  por cesariana e teve um pedaço de gaze esquecido no abdômen receberá indenização de 10 mil por danos morais de uma Universidade Estadual em Campinas. A decisão é da 10ª Câmara de Direito Público do Tribunal de São Paulo.

Menos de dez dias após o parto, a autora sentiu fortes dores abdominais e precisou se submeter a outra cirurgia para a retirada do objeto.

O relator do recurso, desembargador Antonio Carlos Villen, entendeu que a atuação deficiente da administração justifica a condenação a reparar os danos causados por omissão. “Não há dúvida de que o abalo psicológico sofrido pela autora, que havia passado por uma cesariana e teve que conviver com dores abdominais fortíssimas e se submeter a nova intervenção cirúrgica, caracteriza dano moral indenizável”.

Os desembargadores Antonio Celso Aguilar Cortez e Teresa Ramos Marques também participaram do julgamento. A votação foi unânime.

Apelação n° 0024509-66.2008.8.26.0114.

Fonte: TJSP

 

× Converse pelo WhatsApp